Apresentação

Pós-Graduação em Engenharia de Automação e Sistemas

O caráter inovador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Automação e Sistemas decorre do processo acelerado e irreversível de automação dos processos produtivos em diversas áreas, e não apenas aplicações industriais, no país e no mundo, estando fortemente relacionado ao desenvolvimento das Tecnologias da Informação e de Comunicações. O PPGEAS consolida, em nível de pós-graduação, o contexto da criação no Brasil dos cursos de graduação em Engenharia de Controle e Automação e em Mecatrônica dos quais a UFSC foi uma das pioneiras, iniciando o primeiro curso de Engenharia de Controle e Automação em 1990.

Devido ao seu caráter abrangente e multidisciplinar, o Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Automação e Sistemas pode atender estudantes com diversas formações: engenheiros oriundos de cursos de Engenharia de Controle e Automação, Mecatrônica, Elétrica, Mecânica, Química, egressos de outras engenharias e também profissionais de Ciências da Computação, Sistemas de Informação, Física, Matemática e outras formações científicas.

O corpo docente do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Automação e Sistemas é composto de 26 professores permanentes e 4 colaboradores (com atividades esporádicas de ensino e orientação de pesquisa), dos quais 11 são detentores de Bolsas de Produtividade do CNPq.

Missão

Formar profissionais qualificados, gerando e disseminando conhecimento científico, tecnológico e de inovação, para contribuir com o desenvolvimento da sociedade em âmbito regional, nacional e internacional na área de Engenharia de Controle, Automação e Sistemas. Saiba Mais.

Modalidades

Mestrado e Doutorado acadêmicos.

Área de Concentração

Controle, Automação e Sistemas.

Linhas de Pesquisa

  • Controle: Modelagem, Simulação e Identificação de Sistemas, Controle de Sistemas Dinâmicos Contínuos, a Eventos Discretos e Híbridos, Medição e Instrumentação para Controle e Automação.
  • Automação e Sistemas Mecatrônicos: Robôs Manipuladores, Robótica Móvel, Sistemas de Visão Computacional, Controle de Tráfego Urbano, Empresas Virtuais e Redes Colaborativas, Atuadores.
  • Sistemas Computacionais: Tempo Real, Tolerância a Falhas e Segurança, Sistemas Distribuídos e Redes, Engenharia de Software, Inteligência Artificial e Informática Industrial.
  • Automação, Controle, Otimização e Instrumentação para Indústrias de Petróleo e Gás: Controle Regulatório e Avançado de Processos da Indústria do Petróleo e Gás, Controle Preditivo e Otimização em Tempo Real, Otimização da Produção de Campos de Petróleo, Instrumentação para Processos da Indústria do Petróleo e Gás, Automação de Plataformas de Produção.

Avaliação CAPES

  • Quadriênio 2013 a 2017: Nota 6 (escala de 3 a 7), a qual confere reconhecimento como Programa de Excelência pela CAPES, juntamente com programas de nota 7.